Que tal aproveitar o feriadão de Páscoa de sexta-feira 28 até domingo 31 de março para aproveitar um pouco mais de Buenos Aires? Mesmo para quem já conhece, a capital portenha reserva várias opções de roteiros e nunca deixa de surpreender os visitantes.

E a Páscoa é uma ótima época. O calorão do verão já passou, mas as temperaturas ainda se mantém amenas, entre 12 e 23

Para a primeira viagem a Buenos Aires uma boa opção é fazer um city tour logo na sexta-feira pela manhã. Dura pouco menos de duas horas e proporciona uma visão geral dos grandes atrativos da cidade: o emblemático estádio de La Bombonera, do Boca Juniors, o recanto do tango em El Caminito, a agitada rua Florida, a avenida de Mayo, o prédio do Congresso Nacional, a Casa Rosada, o romântico Puerto Madero, a flor da Recoleta – a Floralis Generica, o Jardim Zoológico, a Recoleta e o Teatro Colón, entre outros.graus. Devido a proximidade do Sul do Brasil existem várias opções de voos partindo do Rio, São Paulo, Curitiba e Porto Alegre.

Assim você poderá adaptar os outros dias ao seu gosto. Para almoço, boa sugestão é procurar um restaurante no Puerto Madero. O local foi totalmente remodelado e agora é uma das áreas mais chiques da capital. Está repleto de restaurantes. Uma das opções é o já famoso Siga La Vaca e de sobremesa um sorvete no clássico Freddo.

No Puerto Madero fica também a Puenta da La Mujer do arquiteto espanhol Santiago Calatrava, um monumento imperdível. O resto do dia pode ser usado para caminhar pelo centro e fazer compras. Destino imperdível é a Calle Florida, as galerias Pacífico e também a Casa Rosada, a sede do governo na Argentina.

No sábado é a vez do bairro Recoleta. Uma visita ao Cemitério da Recoleta é obrigatória e vaguear pelo bairro e tomar um cortado (um café expresso com pouco leite) com medias lunas também fazem parte do roteiro básico. Depois El Caminito, em La Boca. Sim, é lá onde estão as casinhas coloridas feitas de chapas. É também o templo do tango. Desfrute sem moderação da música e das várias galerias com obras de arte e suvenires. Almoce e aproveite para assistir a shows de tango. Alguns acontecem no meio da rua.

Depois pegue um táxi e vá para Palermo Soho. Desça na esquina de Malabia e Costa Rica. Fica ali uma pracinha super charmosa e onde o agito começa. Curta as vitrines e tome um café em um dos muitos cafés que servem em mesinhas nas calçadas. É uma espécie de Ipanema de Buenos Aires.

A noite um show de tango é programa básico. É como ir ao Rio e não apreciar uma apresentação de samba ou um ensaio de escola de samba. Ou seja, obrigatório. Existem translados direto dos hotéis até as casas de show. A maioria funciona no esquema cena-show. Ou seja, show mais jantar. Na maioria das vezes, o jantar não é dos melhores. Então se você aguenta jantar após a meia-noite, é uma boa economizar cortando o jantar do pacote e depois escolher um bom restaurante. Excelentes opções de shows são o impecável Rojo Tango e o clássico Café Tortoni.

Domingo você pode unir-se a milhares de turistas de todo o mundo que vão a Buenos Aires caçar antiguidades para comprar ou simplesmente para tirar fotos. O local é a Feira de San Telmo. Desça do táxi entre San Juan e Defensa. É o centro da feira. Lá você encontrará de tudo. O epicentro desse pequeno mundo é a Plaza Dorrego. Além das antiguidades existem performances de artistas nas ruas e ótimas opções para comer.

Bob Escobar – Click Viajar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *